Página Inicial Institucional Comunicação Notícias ETA Oeste melhora sistema de abastecimento

ETA Oeste melhora sistema de abastecimento

Criado em Quarta, 26 Dezembro 2012 08:26
ETA Oeste melhora sistema de abastecimento Casa Civil

Nesta segunda-feira (24), o governador do estado do Ceará, Cid Gomes, inaugurou a primeira etapa da Estação de Tratamento de Água Oeste, no município de Caucaia.

Na ocasião, estiveram presentes além do Governador, o presidente em exercício e diretor de Operações da Cagece, André Facó, o secretário de Recursos hídricos do Estado, César Pinheiro, o ministro da Secretaria Nacional dos Portos, Leônidas Cristino, e demais autoridades.

Durante o evento, Cid Gomes conheceu a estrutura inaugurada da ETA, como o sistema de lavagem de filtros e o processo de tratamento da água. Nesta primeira fase, a estação funcionará com capacidade de 700 litros de água por segundo, o que representa hoje o abastecimento de municípios como Caucaia e Juazeiro do Norte juntas. Além disso, a ETA poderá chegar neste primeiro momento a uma capacidade de produção de 1500 litros de água por segundo.

Após a vistoria, o Governador deu início à operação de distribuição de água que parte da estação para beneficiar cerca de 220 mil pessoas em 16 localidades de Fortaleza e Região Metropolitana.

Na solenidade, o diretor de operações da Companhia destacou a importância da obra para o sistema de abastecimento da região, fazendo uma comparação do sistema de distribuição ao corpo humano. “A ETA é como o coração de todo o sistema ehoje Fortaleza está recebendo seu segundo coração”, ressaltou. Facó ainda declarou que estão sendo investidos cerca de R$ 200 milhões em obras para levar água de qualidade e com quantidade suficiente para acompanhar o crescimento habitacional da Região Metropolitana de Fortaleza.

Em seu discurso, o Governador pontuou a importância da ETA Oeste para o estado. “Esta obra quando totalmente concluída, irá representar mais de 50% de tudo que já foi feito na área de abastecimento de água no Ceará. Isso significa uma maior segurança hídrica para a Capital e RMF por pelo menos mais 30 anos”, afirmou.

A ETA Oeste, após a conclusão da segunda etapa, irá operar com capacidade de 5 mil litros de água por segundo. Essa produção, somada aos 10 mil l/s produzidos hoje na Estação de Tratamento de Água do Gavião, em Pacatuba, responsável pelo abastecimento de Fortaleza, Eusébio, Maracanaú e Caucaia, garante água suficiente para acompanhar o crescimento populacional nestas cidades.

A conclusão da segunda etapa está prevista para o final de 2013, quando irá aumentar em mais 3,5 mil litros a produção de água na estação.

O Governador aproveitou o evento para anunciar mais um investimento previsto para o sistema hídrico do estado. O Cinturão das Águas irá beneficiar todo o estado, principalmente o interior que mais sofre com os períodos de seca. A obra estruturante, com cerca de 150 km, levará água para barragens e açudes.

Cid Gomes anunciou que a licitação do Cinturão das Águas já está marcada para o dia 5 de Fevereiro de 2013 e o valor estimado para o investimento é de R$ 1,6 bilhões. A obra será dividida em quatro etapas e o Governador pretende iniciar a primeira etapa em 2013 e terminar no final de 2014.

Ler 3071 vezes Última modificação em Quarta, 26 Dezembro 2012 09:49