Página Inicial Institucional Comunicação Notícias Saiba qual a diferença entre rede de esgoto e rede de drenagem

Saiba qual a diferença entre rede de esgoto e rede de drenagem

Criado em Sexta, 13 Janeiro 2017 10:13

A rede de esgoto recolhe o esgoto das casas e indústrias. Já a rede de drenagem permite o escoamento direto das águas das chuvas para os mananciais.

O sistema de esgoto no Brasil é definido como separador absoluto. Nesse sistema, a rede de esgoto é separada da rede de drenagem. A rede coletora de esgoto, de responsabilidade da Cagece, recolhe o esgotamento sanitário das residências e o direciona até uma rede de tratamento para que ele possa ser devolvido ao meio ambiente sem gerar riscos aos mananciais. Já a rede de drenagem, de responsabilidade das prefeituras municipais, permite o escoamento direto das águas das chuvas para o mar, rios ou lagoas.

Algumas diferenças entre rede de drenagem e rede coletora de esgoto podem ser facilmente identificadas pela população. As bocas de lobo (como são popularmente conhecidas), por exemplo, pertencentes à rede de drenagem pluvial, têm formato retangular e situam-se sempre próximas às calçadas das vias. Os poços de visita (PVs) da rede coletora de esgoto localizam-se mais distantes das calçadas, fechados por tampas de metal e possuem a inscrição da Cagece.

Quando a água da chuva é lançada na rede coletora de esgoto, o aumento do volume da água faz com que o esgoto volte para dentro das casas e também para a dos vizinhos. Também causa rompimento da rede de esgoto, ocasionando vazamento de esgoto nas ruas e trazendo grandes riscos à saúde. Danos a veículos por deslocamentos das tampas de ferro redondas localizadas no meio das ruas (tampas de PV - poços de visita). E comprometimento da rede de esgoto, podendo inclusive causar a interrupção do tratamento de esgoto.

Os riscos também acontecem no sentido inverso: quando o esgoto é direcionado para a rede de drenagem, pode acabar sendo despejado no recurso hídrico sem tratamento algum, provocando danos ao meio ambiente – são as ligações clandestinas. O termo diz respeito ao material que não é descartado de forma correta, indo para as fossas, rios ou mananciais.

As águas das chuvas devem ser coletadas pelas calhas dos telhados e ralos dos pátios e quintais e conduzidas por tubulações independentes das calçadas de suas residências, onde são canalizadas pela prefeitura e vão para os rios. O despejo das águas da chuva na rede de esgoto é proibido por lei. Por isso, o imóvel que apresentar situação irregular poderá ter os serviços de esgoto interrompidos.

Alguns testes podem indicar se a água de chuva e de esgoto estão separadas na casa. Quando se lava o quintal, a água escoada tem de sair na sarjeta, na rua. Já a água do banho, da pia ou da descarga precisa passar pela caixa de inspeção da Cagece. Basta abrir a tampa dela, em geral na garagem ou na calçada, e ver se esse esgoto está passando por lá. Para tirar a dúvida, consulte um pedreiro ou encanador de confiança para verificar o imóvel.

Ler 1379 vezes Última modificação em Segunda, 16 Janeiro 2017 17:31