Página Inicial Institucional Comunicação Notícias Relatora especial da ONU visita a Cagece

Relatora especial da ONU visita a Cagece

Criado em Segunda, 16 Dezembro 2013 12:53

O presidente André Facó fez uma apresentação institucional mostrando os números da Companhia e a estrutura tarifária adotada pela Cagece.

 

 

A relatora especial da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre água e saneamento, Catarina de Albuquerque, reuniu-se na manhã desta segunda-feira (16) com a diretoria colegiada da Cagece.

 

Além de Catarina, participaram da reunião, Osvaldo Garcia, secretário nacional de saneamento ambiental do Ministério das Cidades; João Guilherme Fernandes Maranhão, diplomata da Divisão de Direitos Humanos do Ministério das Relações Exteriores; Marcelo de Paula N Lelis, gerente de Projetos da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades; Denise Hauser, membro do comissariado de Direitos Humanos da ONU e Anderson Nakamura, Oficial da ONU.

 

Fortaleza foi uma das cinco cidades escolhidas pela relatora para a visita de 10 dias ao Brasil com objetivo de avaliar as condições de saneamento nas classes menos favorecidas e fazer um diagnóstico dos direitos humanos no setor. As demais cidades são: Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e Belém.

 

No diagnóstico constará uma análise da situação dos sistemas de água e de esgoto em assentamentos irregulares, favelas e comunidades rurais, com atenção especial para os locais que tenham ausência de água potável e tratamento de esgoto e quais os impactos desse fato na saúde dos moradores.

 

O diagnóstico preliminar das visitas será apresentado em uma entrevista coletiva marcada para o próximo dia 19, na sede do Pnud, em Brasília. O relatório final, com as conclusões da relatora e as recomendações ao governo brasileiro, será apresentado na próxima sessão do Conselho de Direitos Humanos, prevista para acontecer em setembro de 2014.

 

Neste domingo (15), Catarina de Albuquerque e a comitiva, acompanhada do gerente de saneamento rural da Cagece, Hélder Cortez, visitaram o município de Itapipoca, onde conheceram o modelo de saneamento rural (Sisar) adotado pela Companhia. Além disso, a comunidade rural Camboas, em Paraipaba, atendida pelo Sisar e os assentamentos irregulares, em Itapipoca, também foram visitados.

Ler 1631 vezes Última modificação em Segunda, 16 Dezembro 2013 17:07